Sábado, 16 dezembro 2017, 16:40

Calendário

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
intervencoes
A toponímia da própria designação Serzedo terá a sua origem etimológica, tudo o indica, em duas palavras em latim: "ceresia" (que deu cereja) e "ceresetu" (que terá evoluído para "cerdeira", uma espécie arbórea que seria abundante neste local).
Alguns documentos datados do ano de 995 faziam alusão à "Villa Cerseto". Em 1030, surge a designação de "Creseto". E em 1157 já dá pelo nome de "Cerzedo". Uma grafia que se mantém, nomeadamente no foral concedido por D. Manuel, em 1518. Seria, portanto, mais correto dizer-se "Cerzedo" e não Serzedo, tal como é denominada na atualidade.
Serão, portanto, estas as origens históricas mais antigas e fiáveis, que não apresenta sinais concretos de ocupações mais remotas.
Devota a S. Mamede, Serzedo alberga importantes monumentos religiosos dignos de registo. Merecedores de particular destaque, a Igreja Matriz, concluída em 1709 e beneficiária de diversos melhoramentos, em 1941 e 1972.


                                     Igreja São Mamede de Serzedo 54504 ori vila nova de gaia


Algumas outras capelas também podem ser visitadas como a Capela de Fontes, onde se venera a imagem colorida de Nossa Senhora do Rosário, a Capela da Senhora do Livramento, Santa Apolónia e Alminhas e a Capela Rainha Santa Isabel que encerra a lenda onde se julga que terá sido edificada no preciso local onde se terá ajoelhado a Rainha Santa Isabel para rezar em 1320.


     Capela Nª Sra. de Fontes
Sra Fontes 
   
   Capela Nª Sra. do Livramento 
 Capela Senhora do Livramento 
 
        Capela Stª Apolónia
 Capela Santa Apolónia 
         Ermida da Rainha
 Ermida Rainha